Arquivo da categoria: ABCZ

Associação Brasileira dos Criadores de Zebú (www.abcz.org.br)

Está disponível a consulta ao Sumário Nacional de Avaliação Genética – ed. Corte 2012 – ABCZ/PMGZ

Sumário Nacional de Avaliação Genética PMGZ-ABCZ

O ABCZ disponibilizou esta semana, durante a ExpoZebu 2012, o Sumário Nacional de Avaliação Genética edição Corte 2012. Com mais de 49.000 Touros (28.045 Nelore), o sumário está disponível para consulta através da Internet (www.pmgz.org.br). Uma das novidades deste ano, é a utilização do iABCZ (Índice ABCZ) substituição ao antigo IQG (Índice de Qualificação Genética).

Os produtos da Vale do Boi estão entre os melhores avaliados (veja a relação dos mais destacados em 2012).

O Sumário Nacional de Touros é um instrumento fundamental no processo de seleção, apontando os melhores produtos. A avaliação é conduzida utilizando-se informações dos pesos das progênies dos referidos touros, obtidos pelo Controle de Desenvolvimento Ponderal (CDP) coordenado pela ABCZ e realizado em todo o país.

Fazenda Vale do Boi tem 202 produtos nelore indicados pela ABCZ ao CEP 2012

ABCZ divulgou lista dos produtos candidatos ao CEP 2012. Neste ano a Vale do Boi tem 202 produtos indicados. O Certificado Especial de Produção (CEP) é baseado nas avaliações genéticas de todos os animais participantes do Programa de Melhoramento Genético dos Zebuínos (PMGZ). A cada safra são verificados nos arquivos gerais da ABCZ os zebuínos (machos e fêmeas) da raça nelore que apresentam os melhores iABCZ (Índice ABCZ). Cabe destacar ainda que a maioria dos animais indicados são filhos de reprodutores do próprio criatório.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS CRIADORES DE ZEBU
CEP – CERTIFICADO ESPECIAL DE PRODUÇÃO – 2012
PRODUTOS CANDIDATOS AO CEP – CATEGORIA NACIONAL – SAFRA 2010
Criador: EPAMINONDAS DE ANDRADE Faz. Vale do Boi Raça: NELORE – PO
Nome do Animal RG Pai Avô Materno Dt. Nasc. iABCZ %TOP CEP #
FÊMEAS
MABUIA VB DA VALE VBV 8290 3/13/2010 21,87 0,1 PLATINA 5
MANEIRA VB DA VALE VBV 8491 9/10/2010 21,08 0,1 PLATINA 12
MARATA VB DA VALE VBV 8564 9/21/2010 20,94 0,1 PLATINA 13
MARAJOARA VB DA VALE VBV 8560 9/21/2010 20,71 0,1 PLATINA 14
MANDARA VB DA VALE VBV 8462 9/6/2010 20,49 0,1 PLATINA 19
MARANATA VB DA VALE VBV 8561 9/21/2010 20,21 0,1 PLATINA 30
MALTA VB DA VALE VBV 8420 4/12/2010 20,13 0,1 PLATINA 36
META VB DA VALE VBV 8699 10/18/2010 19,4 0,1 PLATINA 73
MARINA VB DA VALE VBV 8608 9/28/2010 18,74 0,1 PLATINA 146
MALACA VB DA VALE VBV 8400 4/8/2010 18,67 0,1 PLATINA 156
MARIMBA VB DA VALE VBV 8604 9/28/2010 18,62 0,1 PLATINA 162
MAGNOLIA VB DA VALE VBV 8460 9/6/2010 18,26 0,1 PLATINA 214
MAVIA VB DA VALE VBV 8824 11/23/2010 18,16 0,1 PLATINA 232
MANTA VB DA VALE VBV 8529 9/15/2010 18,11 0,1 PLATINA 242
MANDUCA VB DA VALE VBV 8424 4/12/2010 17,66 0,5 PLATINA 350
MEDIA VB DA VALE VBV 8685 10/16/2010 17,6 0,5 PLATINA 358
MANOSE VB DA VALE VBV 8526 9/15/2010 17,57 0,5 PLATINA 365
MENSAGEM VB DA VALE VBV 8727 10/25/2010 17,49 0,5 PLATINA 387
MANILHA VB DA VALE VBV 8488 9/10/2010 17,37 0,5 PLATINA 427
MANHA VB DA VALE VBV 8495 9/13/2010 17,36 0,5 PLATINA 431
MANGUEIRA VB DA VALE VBV 8499 9/13/2010 17,3 0,5 PLATINA 448
MANOA VB DA VALE VBV 8540 9/16/2010 17,24 0,5 PLATINA 472
MANIVA VB DA VALE VBV 8506 9/13/2010 17,09 0,5 OURO 2
MERA VB DA VALE VBV 8743 10/29/2010 17,03 0,5 OURO 23
MAJORNA VB DA VALE VBV 8381 4/5/2010 16,91 0,5 OURO 68
MANUSA VB DA VALE VBV 8535 9/16/2010 16,9 0,5 OURO 71
MATEMATICA VB DA VAL VBV 8641 10/5/2010 16,81 0,5 OURO 107
MINA VB DA VALE VBV 8836 11/26/2010 16,8 0,5 OURO 115
MALDIVA VB DA VALE VBV 8407 4/12/2010 16,6 0,5 OURO 190
MERIA VB DA VALE VBV 8755 11/4/2010 16,51 0,5 OURO 226
MAIRA VB DA VALE VBV 8355 3/27/2010 16,48 0,5 OURO 242
MANICA VB DA VALE VBV 8486 9/10/2010 16,42 0,5 OURO 268
MIMICA VB DA VALE VBV 8832 11/26/2010 16,35 0,5 OURO 295
MARCA VB DA VALE VBV 8639 10/5/2010 16,34 0,5 OURO 298
MANTENA VB DA VALE VBV 8532 9/16/2010 16,27 0,5 OURO 333
MANIA VB DA VALE VBV 8497 9/13/2010 16,22 0,5 OURO 350
MAGNATA VB DA VALE VBV 8352 3/25/2010 16,1 0,5 OURO 414
MAIPOCA VB DA VALE VBV 8345 3/25/2010 16,08 0,5 OURO 427
MADURA VB DA VALE VBV 8364 3/29/2010 15,99 0,5 OURO 475
MACUTA VB DA VALE VBV 8331 3/22/2010 15,97 0,5 OURO 485
MATERA VB DA VALE VBV 8642 10/5/2010 15,96 0,5 OURO 492
MAJANDRA VB DA VALE VBV 8379 4/5/2010 15,95 0,5 OURO 499
MAGICA VB DA VALE VBV 8353 3/27/2010 15,9 1 PRATA 5
MALITA VB DA VALE VBV 8422 4/12/2010 15,9 1 PRATA 7
MEIA LUA VB DA VALE VBV 8711 10/20/2010 15,78 1 PRATA 91
MANI VB DA VALE VBV 8480 9/10/2010 15,76 1 PRATA 109
MERIDA VB DA VALE VBV 8845 11/30/2010 15,69 1 PRATA 158
MACAUBA VB DA VALE VBV 8300 3/15/2010 15,56 1 PRATA 239
META VB DA VALE VBV 8781 11/8/2010 15,49 1 PRATA 284
MADIA VB DA VALE VBV 8326 3/20/2010 15,44 1 PRATA 325
MATRIZ VB DA VALE VBV 8662 10/12/2010 15,39 1 PRATA 367
MACUANA VB DA VALE VBV 8307 3/18/2010 15,34 1 PRATA 412
MENAICA VB DA VALE VBV 8724 10/25/2010 15,24 1 PRATA 489
MARSELHA VB DA VALE VBV 8620 9/30/2010 15,13 1 PRATA 573
MATERIA VB DA VALE VBV 8645 10/7/2010 15,13 1 PRATA 581
MELENA VB DA VALE VBV 8741 10/29/2010 15,12 1 PRATA 599
MANAUS VB DA VALE VBV 8436 4/19/2010 14,97 2 PRATA 725
MEIA NOITE VB DA VAL VBV 8713 10/20/2010 14,95 2 PRATA 740
MAGA VB DA VALE VBV 8322 3/19/2010 14,94 2 PRATA 748
MEXIANA VB DA VALE VBV 8797 11/16/2010 14,89 2 PRATA 797
MIRA VB DA VALE VBV 8839 11/28/2010 14,87 2 PRATA 808
MAJUBA VB DA VALE VBV 8383 4/5/2010 14,84 2 PRATA 834
MACAU VB DA VALE VBV 8299 3/15/2010 14,79 2 PRATA 887
MANITA VB DA VALE VBV 8502 9/13/2010 14,78 2 PRATA 896
MIAMI VB DA VALE VBV 8799 11/16/2010 14,68 2 PRATA 986
MALA VB DA VALE VBV 8390 4/8/2010 14,67 2 PRATA 992
MEGARA VB DA VALE VBV 8700 10/18/2010 14,67 2 PRATA 991
MAGIA VB DA VALE VBV 8332 3/22/2010 14,54 2 PRATA 1.129
METORIA VB DA VALE VBV 8786 11/12/2010 14,51 2 PRATA 1.168
MONZA VB DA VALE VBV 8861 11/30/2010 14,5 2 PRATA 1.183
MAJORIA VB DA VALE VBV 8382 4/5/2010 14,47 2 PRATA 1.226
MACA VB DA VALE VBV 8291 3/13/2010 14,3 2 PRATA 1.401
MACAMBA VB DA VALE VBV 8297 3/15/2010 14,26 2 PRATA 1.451
MENTORA VB DA VALE VBV 8814 11/22/2010 14,26 2 PRATA 1.448
MESA VB DA VALE VBV 8762 11/4/2010 14,24 2 PRATA 1.473
METRAGEM VB DA VALE VBV 8789 11/12/2010 14,22 2 PRATA 1.506
MEDULA VB DA VALE VBV 8695 10/16/2010 14,01 2 BRONZE 197
MENURA VB DA VALE VBV 8811 11/18/2010 13,95 2 BRONZE 279
MADEIXA VB DA VALE VBV 8311 3/18/2010 13,91 2 BRONZE 337
MEDUSA VB DA VALE VBV 8687 10/16/2010 13,91 2 BRONZE 334
MALEVA VB DA VALE VBV 8415 4/12/2010 13,9 2 BRONZE 347
MERCAVA VB DA VALE VBV 8816 11/22/2010 13,9 2 BRONZE 353
MERCARIA VB DA VALE VBV 8818 11/22/2010 13,8 3 BRONZE 505
MENTA VB DA VALE VBV 8728 10/26/2010 13,77 3 BRONZE 536
MAITACA VB DA VALE VBV 8366 3/31/2010 13,72 3 BRONZE 616
MARIPA VB DA VALE VBV 8615 9/30/2010 13,72 3 BRONZE 608
MANGA VB DA VALE VBV 8441 4/19/2010 13,69 3 BRONZE 657
MALVA VB DA VALE VBV 8409 4/12/2010 13,67 3 BRONZE 688
MANELA VB DA VALE VBV 8493 9/13/2010 13,66 3 BRONZE 698
MANISA VB DA VALE VBV 8442 4/19/2010 13,47 3 BRONZE 993
MEDRA VB DA VALE VBV 8704 10/19/2010 13,47 3 BRONZE 1.000
METRICA VB DA VALE VBV 8792 11/16/2010 13,46 3 BRONZE 1.021
MANAVA VB DA VALE VBV 8448 4/21/2010 13,38 3 BRONZE 1.146
MEDICINA VB DA VALE VBV 8705 10/19/2010 13,33 3 BRONZE 1.238
MANTISSA VB DA VALE VBV 8533 9/16/2010 13,32 3 BRONZE 1.254
MACOTA VB DA VALE VBV 8306 3/18/2010 13,28 3 BRONZE 1.317
METRA VB DA VALE VBV 8790 11/12/2010 13,27 3 BRONZE 1.323
MELHORA VB DA VALE VBV 8716 10/22/2010 13,21 3 BRONZE 1.448
MANIBA VB DA VALE VBV 8500 9/13/2010 13,16 3 BRONZE 1.528
Nome do Animal RG Pai Avô Materno Dt. Nasc. iABCZ %TOP CEP #
MACHOS
MASCOTE VB DA VALE VBV 8666 10/12/2010 21,59 0,1 PLATINA 15
MEDIEVAL VB DA VALE VBV 8565 9/21/2010 21,25 0,1 PLATINA 19
MADOK VB DA VALE VBV 8308 3/18/2010 21,01 0,1 PLATINA 21
MATO VB DA VALE VBV 8602 9/28/2010 20,87 0,1 PLATINA 24
MIMO VB DA VALE VBV 8780 11/8/2010 20,83 0,1 PLATINA 25
MANIPUR VB DA VALE VBV 8510 9/14/2010 20,33 0,1 PLATINA 40
MARCIAL VB DA VALE VBV 8570 9/23/2010 20,14 0,1 PLATINA 51
MOSCOU VB DA VALE VBV 8834 11/26/2010 19,44 0,1 PLATINA 88
MISTICO VB DA VALE VBV 8785 11/8/2010 19,07 0,1 PLATINA 123
MENDEL VB DA VALE VBV 8644 10/7/2010 18,9 0,1 PLATINA 142
MAPA VB DA VALE VBV 8492 9/13/2010 18,54 0,1 PLATINA 186
MAGICO VB DA VALE VBV 8346 3/25/2010 18,44 0,1 PLATINA 205
MERLO VB DA VALE VBV 8730 10/26/2010 18,25 0,1 PLATINA 252
MEATO VB DA VALE VBV 8612 9/28/2010 18,07 0,1 PLATINA 289
MESSIAS VB DA VALE VBV 8738 10/29/2010 17,92 0,5 PLATINA 324
MEXICO VB DA VALE VBV 8757 11/4/2010 17,81 0,5 PLATINA 346
MANA VB DA VALE VBV 8419 4/12/2010 17,8 0,5 PLATINA 348
MISTERIO VB DA VALE VBV 8787 11/12/2010 17,8 0,5 PLATINA 351
MONITOR VB DA VALE VBV 8828 11/23/2010 17,77 0,5 PLATINA 357
MUCUNI VB DA VALE VBV 8830 11/26/2010 17,55 0,5 PLATINA 420
MAGISTRAL VB DA VALE VBV 8350 3/25/2010 17,54 0,5 PLATINA 429
MAHAL VB DA VALE VBV 8483 9/10/2010 17,47 0,5 PLATINA 452
MALOTE VB DA VALE VBV 8484 9/10/2010 17,47 0,5 PLATINA 448
MESO VB DA VALE VBV 8737 10/29/2010 17,37 0,5 PLATINA 472
MANAJO VB DA VALE VBV 8438 4/19/2010 17,14 0,5 OURO 46
MENTO VB DA VALE VBV 8658 10/9/2010 17,13 0,5 OURO 52
MODULO VB DA VALE VBV 8810 11/18/2010 16,92 0,5 OURO 129
MILENIO VB DA VALE VBV 8777 11/8/2010 16,67 0,5 OURO 213
MAGINI VB DA VALE VBV 8347 3/25/2010 16,44 0,5 OURO 295
MAIORAL VB DA VALE VBV 8370 3/31/2010 16,43 0,5 OURO 300
MANEL VB DA VALE VBV 8482 9/10/2010 16,24 0,5 OURO 375
MAGNETO VB DA VALE VBV 8348 3/25/2010 16,19 0,5 OURO 411
MAKAL VB DA VALE VBV 8292 3/13/2010 16,1 0,5 OURO 452
MENTON VB DA VALE VBV 8655 10/9/2010 16,1 0,5 OURO 456
MACENO VB DA VALE VBV 8294 3/13/2010 16,06 0,5 OURO 479
MATERIAL VB DA VALE VBV 8599 9/28/2010 16,02 0,5 OURO 501
MERAN VB DA VALE VBV 8686 10/16/2010 15,98 0,5 PRATA 21
MABRIJO VB DA VALE VBV 8313 3/18/2010 15,95 0,5 PRATA 43
MEZEU VB DA VALE VBV 8760 11/4/2010 15,95 0,5 PRATA 41
MERANO VB DA VALE VBV 8677 10/13/2010 15,89 1 PRATA 83
MAUSER VB DA VALE VBV 8603 9/28/2010 15,79 1 PRATA 142
MEKAP VB DA VALE VBV 8310 3/18/2010 15,76 1 PRATA 158
MUN VB DA VALE VBV 8857 11/30/2010 15,58 1 PRATA 268
METEORO VB DA VALE VBV 8744 10/29/2010 15,47 1 PRATA 344
MACRO VB DA VALE VBV 8303 3/15/2010 15,37 1 PRATA 417
MECKEL VB DA VALE VBV 8626 9/30/2010 15,36 1 PRATA 425
MILITAR VB DA VALE VBV 8779 11/8/2010 15,35 1 PRATA 439
MANSO VB DA VALE VBV 8524 9/15/2010 15,31 1 PRATA 469
MERAPI VB DA VALE VBV 8688 10/16/2010 15,19 1 PRATA 540
MANITU VB DA VALE VBV 8581 9/24/2010 15,17 1 PRATA 557
MONACO VB DA VALE VBV 8827 11/23/2010 15,16 1 PRATA 570
MEPURI VB DA VALE VBV 8657 10/9/2010 15,1 1 PRATA 615
MELHOR VB DA VALE VBV 8652 10/9/2010 15,06 1 PRATA 642
MABUCO VB DA VALE VBV 8285 3/13/2010 15,04 1 PRATA 658
MAGISTER VB DA VALE VBV 8349 3/25/2010 15,02 1 PRATA 678
MANDARIM VB DA VALE VBV 8454 4/28/2010 15,01 1 PRATA 694
MERIDIANO VB DA VALE VBV 8707 10/19/2010 14,96 2 PRATA 740
MARAJO VB DA VALE VBV 8566 9/21/2010 14,83 2 PRATA 849
MANDU VB DA VALE VBV 8440 4/19/2010 14,81 2 PRATA 885
MAJOR VB DA VALE VBV 8470 9/8/2010 14,75 2 PRATA 950
MAGADY VB DA VALE VBV 8314 3/18/2010 14,74 2 PRATA 959
MONTE VB DA VALE VBV 8831 11/26/2010 14,74 2 PRATA 966
MOJAVE VB DA VALE VBV 8817 11/22/2010 14,68 2 PRATA 1.023
MANISO VB DA VALE VBV 8430 4/17/2010 14,67 2 PRATA 1.040
MERITY VB DA VALE VBV 8698 10/18/2010 14,64 2 PRATA 1.074
MODERNO VB DA VALE VBV 8808 11/18/2010 14,59 2 PRATA 1.128
MUNDURI VB DA VALE VBV 8854 11/30/2010 14,48 2 PRATA 1.247
MANDATO VB DA VALE VBV 8452 4/28/2010 14,44 2 PRATA 1.295
MADOX VB DA VALE VBV 8330 3/22/2010 14,4 2 PRATA 1.339
MAGNIFICO VB DA VALE VBV 8463 9/6/2010 14,38 2 PRATA 1.361
MEGIDO VB DA VALE VBV 8636 10/2/2010 14,35 2 PRATA 1.411
MODELO VB DA VALE VBV 8807 11/18/2010 14,28 2 PRATA 1.488
MERO VB DA VALE VBV 8712 10/20/2010 14,25 2 PRATA 1.529
METON VB DA VALE VBV 8784 11/8/2010 14,13 2 BRONZE 143
MANTO VB DA VALE VBV 8528 9/15/2010 14,08 2 BRONZE 192
MADAN VB DA VALE VBV 8324 3/20/2010 14,01 2 BRONZE 266
MESIAL VB DA VALE VBV 8734 10/26/2010 13,96 2 BRONZE 353
MANZARI VB DA VALE VBV 8527 9/15/2010 13,95 2 BRONZE 357
MALTES VB DA VALE VBV 8610 9/28/2010 13,9 2 BRONZE 424
MACHADO VB DA VALE VBV 8468 9/8/2010 13,89 2 BRONZE 443
2921L VB DA VALE VBVL 2921 10/26/2010 13,84 2 BRONZE 501
MEXICAL VB DA VALE VBV 8759 11/4/2010 13,79 3 BRONZE 576
MAGISTO VB DA VALE VBV 8316 3/19/2010 13,69 3 BRONZE 696
MANDURY VB DA VALE VBV 8455 4/28/2010 13,68 3 BRONZE 712
2849L VB DA VALE VBVL 2849 9/8/2010 13,65 3 BRONZE 752
MANDAU VB DA VALE VBV 8431 4/17/2010 13,63 3 BRONZE 780
MESTRE VB DA VALE VBV 8740 10/29/2010 13,61 3 BRONZE 800
2922L VB DA VALE VBVL 2922 10/26/2010 13,59 3 BRONZE 829
MANAU VB DA VALE VBV 8435 4/19/2010 13,5 3 BRONZE 956
MILHAR VB DA VALE VBV 8778 11/8/2010 13,48 3 BRONZE 994
METILENO VB DA VALE VBV 8751 11/1/2010 13,46 3 BRONZE 1.018
MERENGUE VB DA VALE VBV 8696 10/18/2010 13,44 3 BRONZE 1.038
MAGON VB DA VALE VBV 8367 3/31/2010 13,43 3 BRONZE 1.066
MALIK VB DA VALE VBV 8640 10/5/2010 13,43 3 BRONZE 1.061
MERIEU VB DA VALE VBV 8729 10/26/2010 13,42 3 BRONZE 1.079
MARAJA VB DA VALE VBV 8571 9/24/2010 13,37 3 BRONZE 1.148
MINERAL VB DA VALE VBV 8766 11/4/2010 13,37 3 BRONZE 1.147
MAIPU VB DA VALE VBV 8369 3/31/2010 13,32 3 BRONZE 1.226
MOGI VB DA VALE VBV 8796 11/16/2010 13,31 3 BRONZE 1.248
MAREL VB DA VALE VBV 8600 9/28/2010 13,29 3 BRONZE 1.273
MARCHE VB DA VALE VBV 8569 9/23/2010 13,17 3 BRONZE 1.494
MEDIUM VB DA VALE VBV 8635 10/2/2010 13,17 3 BRONZE 1.506
MAHORE VB DA VALE VBV 8577 9/24/2010 13,16 3 BRONZE 1.516
Nome do Animal RG Pai Avô Materno Dt. Nasc. iABCZ %TOP CEP #
Dt. Nasc. – Data de Nascimento; # – Ordem; iABCZ – Índice ABCZ; %TOP – Percentil

Fonte: PMGZ/ABCZ .

Avaliações genéticas do Sumário PMGZ – Corte 2012 podem ser acessadas pela internet

Sumário Nacional de Avaliação Genética PMGZ-ABCZ

As avaliações genéticas do Sumário PMGZ/ABCZ – Corte 2012 já podem ser consultadas via internet. No site do PMGZ (www.pmgz.org.br), é possível encontrar os dados de 482.186 fêmeas jovens, 564.546 machos jovens, 53.640 touros e 481.451 matrizes das raças zebuínas de corte.

Os produtos da Vale do Boi estão entre os melhores avaliados (veja a relação dos mais destacados em 2012).

Além da consulta pública dos dados, o criador, participante do PMGZ, poderá consultar por meio do site “Comunicações Eletrônicas” as avaliações genéticas das suas matrizes e animais jovens. Adicionalmente, o criador poderá consultar as tendências genéticas do seu rebanho e da raça para cada característica avaliada pelo PMGZ. Todas essas informações podem e devem ser utilizadas para auxiliar o processo seletivo dentro da fazenda no sentido de promover o melhoramento genético do rebanho.

A evolução genética do rebanho Nelore da Vale do Boi é demonstrada através dos gráficos de tendências genéticas anuais.

http://www.abcz.org.br/Noticias/Noticia/38542

Presidente da ABCZ enfatiza profissionalismo e importância do setor pecuário

ExpoZebu 2012Aberta oficialmente na manhã desta quinta-feira (03/05), em Uberaba/MG, a 78ª ExpoZebu (Exposição Internacional das Raças Zebuínas) com a presença do Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Mendes Ribeiro Filho, do Governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia, e diversas autoridades, dentre embaixadores, senadores, deputados federais e estaduais, vereadores, entre outros representantes de órgãos públicos.
A solenidade foi iniciada por volta das 10h, no Parque Fernando Costa, com o pronunciamento do Governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia. Logo após o pronunciamento do governador, os homenageados com o Mérito ABCZ receberam a comenda das mãos dos diretores da ABCZ. Foram homenageados os criadores de raças zebuínas Djalma Bezerra (Ananindeua/PA), Epaminondas de Andrade (Araguaína/TO), José Francisco Junqueira Reis (Lins/SP), Torres Lincoln Prata Cunha (Uberaba/MG), o reitor da Universidade de Uberaba e criador Marcelo Palmério (Uberaba/MG), o presidente da Embrapa Pedro Antonio Arraes Pereira e o presidente da Associação Nacional dos Criadores e Pesquisadores (ANCP) Raysildo Barbosa Lôbo. Na Categoria Internacional, foi homenageada a criadora da Bolívia Nancy Peña de Roca. Já na Categoria Funcionário, o responsável pelo Escritório Técnico Regional da ABCZ em Salvador, Simeão Machado Neto.
NA sequência, o presidente da ABCZ, Eduardo Biagi fez seu pronunciamento, no qual ressaltou o profissionalismo, a importância e a contribuição do setor agropecuário para o Brasil, com ênfase no trabalho dos produtores. “Progressistas, modernos e inovadores de fato na economia brasileira são os produtores rurais e profissionais voltados para a produção agropecuária. O produtor rural faz por merecer maior valorização como interlocutor no debate político, na formulação das políticas públicas, nas discussões sobre a vida nacional. Um tratamento livre dos estigmas e preconceitos que são reveladores, sobretudo, dos ranços e da pobreza de espírito daqueles que os enunciam, mas que nos prejudicam em nossas atividades econômicas”, afirmou.
Biagi destacou ainda que o Brasil é o único país capaz de aumentar a sua produção num ritmo que atenda a essa demanda. “Não precisamos de mais áreas de pastagens; precisamos apenas de difundir mais informação, conhecimento e tecnologia para os médios e pequenos produtores, para que a transformação da nossa realidade seja uniforme e seus resultados se multipliquem. Este é um desafio para ABCZ e para as entidades irmãs na promoção das raças zebuínas, mas é um desafio também para as políticas públicas e a sociedade”. Outros pontos destacados pelo presidente da ABCZ foram a necessidade de aliar preservação ambiental com a produção de alimentos e o papel decisivo das raças zebuínas na produção de carne e leite de qualidade.
Após o pronunciamento do presidente da ABCZ, o ministro Mendes Ribeiro Filho discursou para o público presente. A cerimônia foi encerrada com a abertura oficial da campanha de combate à febre aftosa no estado de Minas Gerais, com a presença de representantes do IMA (Instituto Mineiro de Agropecuária), responsável pela sanidade dos animais no estado.

http://www.abcz.org.br/Noticias/Noticia/38528

Vale do Boi é destaque na lista de pré-selecionados do Programa Nacional de Avaliação de Touros Jovens – PNATJ edição 2012

Imperador VB da Vale
Imperador VB da Vale, pai dos 3 melhores IQGs relacionados.

O PMGZ – Programa de Melhoramento Genético dos Zebuínos – divulgou a relação de animais pré-selecionados do Programa Nacional de Avaliação de Touros Jovens – PNATJ edição 2012 (com 10.387 produtos de 903 rebanhos). O rebanho Nelore da Fazenda Vale do Boi, do criador Epaminondas de Andrade, é destaque com 164 produtos. Também chama a atenção que 219 produtos, de 11 rebanhos (veja quadro abaixo), são filhos de reprodutores Nelore da Vale do Boi como Imperador VB da Vale com 86 filhos relacionados, entre eles os 3 melhores IQGs.

.

Fasto VB da Vale
Fasto VB da Vale, com 10 produtos relacionados
Jangue VB da Vale
Jangue VB da Vale, com 34 produtos relacionados

.

Rebanhos
AROLDO SILVA AMORIM FILHO -GAMELEIRA
CIA. BARREIRO RICO -BARREIRO RICO
CIAN-CIA IND.ALIMENTOS NORDESTE -JATOBA
COND.AGROP.IRMAOS P.CARDOSO LTDA -MUNDO NOVO
EAO EMPREEND. AGROP. E OBRAS S/A -BAVIERA
EDUARDO DANZBERG PAIM -SINUELO
FAZ. MANGA – CONDOMINIO MANGA
LUIZ CARLOS ZAIONS -ZAIONS
MARA VILLELA PEREIRA DIAS -DONA NINA DA PROVIDENCIA
NACIONAL CONSTRUCAO CIVIL LTDA -TOCA DA INDIA
.

Os objetivos do Programa Nacional de Avaliação de Touros Jovens são:

    • Identificar nas populações zebuínas sob seleção no PMGZ, tourinhos promissores e jovens cujas avaliações genéticas sejam positivas.
    • Criar um mecanismo que possibilite a avaliação genética desses tourinhos incluindo o desempenho de suas progênies de forma sistemática e rápida, aumentando significativamente a confiabilidade de seus valores genéticos.
    • Pela identificação de novos indivíduos, contribuir para o aumento da variabilidade genética nas populações zebuínas sob seleção.
    • Disponibilizar um sistema de livre acesso a todos os criadores que participam do PMGZ e que tenham interesse em disponibilizar a genética de sua seleção através da inseminação artificial.

A relação completa pode ser obtida no site do PMGZ: http://www.pmgz.org.br

1 MILHÃO para o PMGZ

O CDP, serviço de Controle de Desenvolvimento de Ponderal, da ABCZ registrou em 2011 mais de um milhão de pesagens. O número exato subiu de 919.581 em 2010, para 1.005.982, revelando uma evolução de quase 10% no volume de trabalho executado em 2.796 rebanhos controlados que pertencem a 2.179 criadores participantes da prova zootécnica que é a base de dados do PMGZ (Programa de Melhoramento Genético de Zebuínos).
O número é grandioso e chama atenção por representar um volume de coleta de dados inédito no Brasil e no mundo, e por sinalizar o empenho profissional dos associados e técnicos de campo da ABCZ no trabalho pelo melhoramento genético das raças zebuínas.

“Os técnicos da ABCZ, tem muito mérito nas conquistas geradas pelas avaliações do PMGZ. O grupo que vai a campo é obstinado. Faça chuva ou faça sol, eles estão nas fazendas junto com os criadores e gerentes. Não existe estrada ruim capaz de parar esse pessoal. Se não for de carro, chega de avião, de trator ou em sela, mas na hora da pesagem está todo mundo ali, com pé no curral. Todos os envolvidos no processo de coleta de dados e geração de índices estão de parabéns”, diz o gerente de fomento da ABCZ, Lauro Fraga Almeida.

Perto de completar 44 anos de implantação, o PMGZ é um programa líder no mercado, e com reconhecimento da classe pecuária pela abrangência e por estar constantemente em evolução, oferecendo aos participantes facilitadores e novas ferramentas. Um exemplo é a introdução de avaliações de carcaça por ultrassonografia. A geração de dados que foram padronizados em nível internacional para área de olho de lombo, cobertura de gordura e deposição nos cortes traseiros vai trazer novas perspectivas para os selecionadores em um prazo médio. Outra inovação foi a disponibilização das curvas de tendências genéticas do rebanho, para a qual a ABCZ desenvolveu um software que formula e apresenta índices dos rebanhos e das raças em gráficos. A interpretação em gráficos pode ajudar a definir o objetivo da seleção ou ajustar o foco da criação, conferindo mais precisão ao trabalho de acasalamento dirigido e assim aumentando a probabilidade de melhorar as características qualitativas dos plantéis.

O nelorista Otoni Verdi, do estado de Goiás, participa do PMGZ há 23 anos. Como vantagens do serviço ele enumera a consistência de informações para trabalhar com pressão de seleção principalmente sobre as fêmeas. “O PMGZ nos ajuda a definir o rumo da seleção. Na Água Boa conseguimos trabalhar de forma objetiva a função dos machos na reprodução ou produção, e das fêmeas na fertilidade e habilidade materna. Criamos touros para central e repasse, mas todos tem um fim comercial. Quanto as fêmeas, esperamos que elas tenham um parto ao ano, criem e desmamem bem os bezerros, e voltem ao cio em boas condições físicas, pois são elas que ficam na fazenda e sustentam a base genética do plantel. Com as avaliações do PMGZ colocamos o rebanho em um sistema produtivo, rentável e isento de modismos. Isso significa benefícios para o criador, para o mercado e até para o consumidor final que vai ter um produto de melhor qualidade à mesa”, explica o criador.

No estado do Tocantins, município de Carmolândia, um rebanho da raça nelore, construído sobre indicativos do PMGZ tem feito história em nível nacional. O gado da Fazenda Vale do Boi, de Epaminondas Andrade, comprova a segurança do programa com resultados no ranking e no mercado. Reprodutores VB integram times das centrais de sêmen, batem recordes de comercialização e despontam no Sumário de Touros como líderes em várias características e categorias. O criador que este ano receberá a comenda Mérito ABCZ, na categoria nacional, durante a ExpoZebu declara que hoje não saberia mais trabalhar sem uma ferramenta de avaliação genética, mesmo em um rebanho comercial. “Andei pesquisando alguns programas europeus e americanos. Alguns trabalhos têm mais tempo que o da ABCZ, mas não chegam perto do volume de animais e da abrangência do PMGZ. Esses modelos matemáticos são muito competentes quando aplicados nos animais contemporâneos, e realmente identificam os indivíduos melhoradores na essência genética. Se não fosse por isso, nós nunca conseguiríamos as avaliações atuais, pois a estrutura da Vale do Boi é simples e não tem artificialismos. A ausência de mecanismos convencionais como creep feeding caracteriza a qualidade das matrizes para habilidade maternal. Outro benefício direto e gradual é para a equipe de trabalho. Nossos colaboradores pensam iguais, o olho deles está treinado em um padrão uniforme de desenvolvimento e quando algum fato sai do padrão conhecido para o desenvolvimento econômico, os vaqueiros são os primeiros a nos alertar. 44 anos de dados em um programa e um milhão de pesagens em um ano é um marco, algo para ser comemorado”, conclui o titular da Vale do Boi.

“Eu observo a evolução continua do CDP. Ano a ano novos rebanhos são inseridos no programa e os criadores estão comprometidos com a evolução genética de seus criatórios. Outros números, além do comemorado milhão de pesagens, como o crescimento de 260% nos volume de animais avaliados na ultima década, também evidenciam isso. A importância do CDP é muito abrangente, os dados gerados nesta prova zootécnica possibilitam ao pecuarista conhecer de forma rápida os animais de sua propriedade com os maiores índices de ganho em peso e consequentemente avaliar os touros e matrizes da propriedade. Outro ponto a ser destacado é o Sumário de Avaliação Genética do PMGZ Corte que tem como base os dados obtidos pelo CDP”, destaca o gerente de provas zootécnicas da ABCZ, Ismar Carneiro.

http://www.abcz.org.br/Noticias/Noticia/38436

Vale do Boi – Grupo J.Demito parabeniza um de seus maiores clientes

Vacas-VBVO Grupo J. Demito parabeniza um dos primeiros clientes e parceiros da empresa, o Sr. Epaminondas de Andrade, que receberá, dia 3 de maio, durante a abertura da Expo Zebu 2012, a comenda “Mérito ABCZ/2012 – Categoria Nacional”, pelos serviços prestados ao setor pecuário. Essa comenda é concedida à pessoas que tem em seu currículo, grandes ações em prol do desenvolvimento da pecuária brasileira.

O Sr. Epaminondas é proprietário da conhecida fazenda Vale do Boi, situada no norte do Tocantins, na cidade de Carmolândia, próxima à Araguaína. A propriedade é reconhecida nacionalmente pelas práticas técnicas e administrativas na aplicação de tecnologia de ponta para o setor em que atua.

Há mais de 40 anos como pecuarista, o homenageado Sr. Epaminondas de Andrade, é disseminador de técnicas revolucionárias para a produção de zebuínos. Além disso, também agrega maiores riquezas para o estado do Tocantins, que está entre as regiões de maior destaque na criação e produção de gado do país.

 

http://www.jdemito.com.br/calcario/2012/03/vale-do-boi-%E2%80%93-grupo-parabeniza-um-de-seus-maiores-clientes/

Epaminondas de Andrade receberá homenagem da ABCZ

Pecuarista, proprietário da Fazenda Vale do Boi e do touro Imperador, destaque da bateria Nelore da CRV Lagoa, receberá o prêmio Mérito ABCZ 2012 – Categoria Nacional na ExpoZebu.

Epaminondas de Andrade recebendo prêmio de gestão do Sebrae em 2010
Epaminondas de Andrade recebendo prêmio de gestão do Sebrae em 2010

O pecuarista Epaminondas de Andrade, proprietário da Fazenda Vale do Boi, localizada em Araguaína (TO), e grande parceiro da CRV Lagoa, receberá no próximo dia 03 de maio, durante a ExpoZebu 2012, o prêmio Mérito ABCZ 2012 – Categoria Nacional, em reconhecimento aos relevantes serviços que tem prestado à pecuária nacional.

“Recebemos essa notícia com grande alegria, pois Epaminondas de Andrade é um dos grandes nomes da pecuária nacional, exemplo para os novos pecuaristas e esse reconhecimento por parte da ABCZ é mais do que merecido. A CRV Lagoa parabeniza esse grande parceiro e, com certeza, marcará presença na homenagem”, destaca Ricardo Abreu, gerente de produto Corte Zebu da Central.

Um dos exemplos da parceria de sucesso entre Epaminondas de Andrade e a CRV Lagoa é o touro Imperador, da raça Nelore, fruto do trabalho da Fazenda Vale do Boi, que consagrou-se Top no Centro de Performance CRV Lagoa 2007 com Índice CP de 11,59 pontos, um dos líderes da raça, ficando na frente de 180 animais.

O touro passou a integrar a bateria Nelore da Central e é um dos campeões de venda de sêmen. “Seu pedigree é consistente para peso e longevidade reprodutiva, através dos genearcas Ganhoso e Legat. É um touro de frame moderado, que alia beleza racial com características econômicas. A velocidade na pecuária moderna é essencial e Imperador demonstra isso. Com apenas seis anos de idade, possui mais de 110 filhos avaliados no sumário ABCZ 2011, sendo o 2º melhor touro de IQG, a frente de mais de 33.000 touros”, conclui Ricardo Abreu.

http://www.crvlagoa.com.br/noticias_texto.asp?id=1&idS=2&idN=1502

ABCZ divulga lista de homenageados com o Mérito 2012

Epaminondas de Andrade, criador Nelore Vale do Boi
Epaminondas de Andrade, criador Nelore Fazenda Vale do Boi

A ABCZ (Associação Brasileira dos Criadores de Zebu) vai homenagear personalidades que vêm contribuindo para o desenvolvimento do setor pecuário. O Mérito ABCZ será entregue no dia 3 de maio, durante a abertura oficial da ExpoZebu 2012, no Parque Fernando Costa, em Uberaba (MG).

Na Categoria Nacional, receberão a comenda os criadores de raças zebuínas Djalma Bezerra (Ananindeua/PA), Epaminondas de Andrade (Araguaína/TO), José Francisco Junqueira Reis (Lins/SP), Torres Lincoln Prata Cunha (Uberaba/MG), o reitor da Universidade de Uberaba e criador Marcelo Palmério (Uberaba/MG), o presidente da Embrapa Pedro Antonio Arraes Pereira e o presidente da Associação Nacional dos Criadores e Pesquisadores (ANCP) Raysildo Barbosa Lôbo.

Na Categoria Internacional, será homenageada a criadora da Bolívia Nancy Peña de Roca. Já na Categoria Funcionário, receberá a comenda o responsável pelo Escritório Técnico Regional da ABCZ em Salvador Simeão Machado Neto.

O Mérito ABCZ existe desde 1977.

http://www.abcz.org.br/Noticias/Noticia/38357